fbpx
EsporteMinas Gerais

Galo vence Caldense, e vai enfrentar novamente a equipe do Sul de Minas nas semis

Jogando como um time que não muda consideravelmente seu estilo mesmo com um misto de jogadores considerados reservas e titulares, o Atlético impôs sua superioridade e venceu a Caldense por 3 a 0 neste sábado,19, no estádio Mineirão. Com este resultado, clube alvinegro garantiu a primeira colocação geral na fase de classificação do Campeonato Mineiro.

Agora, Galo e Veterana voltam a se enfrentar na semifinal, que ainda não tem datas e horários definidos. Atlético terminou com 28 pontos, conquistados em nove vitórias, um empate e uma derrota. Já a Caldense, que estava com o 4º lugar garantido, ficou nos 18 pontos, com seis vitórias e cinco derrotas.

O jogo
A partida começou morna, mas sempre tendo o Atlético no campo de ataque com a bola. Time apostava principalmente nas jogadas pelo lado direito, com o lateral Guga e o atacante Savarino. Após chances não tão boas, foi por ali que o Galo abriu o placar.

Aos 19 minutos, após rebatida na área, Guga passou a bola para Eduardo Sasha, que bateu forte no canto do goleiro adversário. Depois disso, a equipe do Sul de Minas se arriscou mais, dando alguns sustos a Rafael, mas o primeiro tempo terminou com vitória mínima.

Na volta do intervalo, praticamente nada mudou – time da capital impondo seu ritmo. Aos 13 minutos, Vargas, que não tinha aparecido muito no jogo, fez um golaço, após chute de fora da área no ângulo: 2 a 0. A partir dali, o baixo astral bateu de vez na Caldense.

Com substituições, o técnico Turco conseguiu manter o ritmo e dar mais consistência no meio campo. Ele, o herói atleticano, entrou para o delírio da torcida e logo já deixou o dele: em rápido contra-ataque de Vargas, que pegou a defesa alviverde exposta, Dylan recebeu e passou para Hulk, que fez o terceiro praticamente com o gol aberto, aos 24 minutos do segundo tempo. Galo 3 a 0.Depois disso, o atual campeão cadenciou o confronto, até deixando os jogadores opostos mais com a bola. Perto dos 40 minutos, a Caldense conseguiu ir mais à área atleticana, levando perigo, mas a bola não entrou, muito pela segurança de Rafael.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo