fbpx
CaratingaEducaçãoMinas Gerais

Doctum lança vestibular social

A Rede de Ensino Doctum lançou um programa inédito, visando beneficiar 350 estudantes com bolsas integrais, em qualquer curso de graduação, seja presencial ou a distância. O programa é voltado a candidatos ingressantes que cursarão o 1º período em 2021 e que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CADÚnico) do Governo Federal e preencham os requisitos estabelecidos no regulamento.

Inscrição e processo seletivo
Abertas em 02 de fevereiro, as inscrições se encerram no sábado, 27 e devem ser feitas pelo endereço eletrônico doctum.edu.br/acessosuperior, onde está o regulamento completo do programa.
O processo seletivo, que consiste em uma prova com 50 questões objetivas nas disciplinas Português, Matemática, História, Geografia, Biologia, Física e Química, acontece no domingo, 28, de 14 às 17 horas, realizado pela plataforma de vestibular online. O resultado final dos contemplados e deferimento da matrícula serão publicados em 05 de março.

Segundo o presidente executivo da Rede Doctum, Pedro Leitão, o Programa tem foco em estudantes de baixa renda e busca amenizar os desafios de acesso ao ensino superior. “Nesse momento de pandemia, em que tantas famílias foram atingidas, a Doctum lança um projeto inédito, um vestibular único para bolsas integrais, destinadas a quem tem necessidade neste momento. Não se trata de uma ação comercial, mas, uma ação comunitária de uma instituição que tem compromisso com a sua comunidade, é fiel aos seus valores e se coloca à disposição para transformar a vida de mais de 350 pessoas”.

Pedro Leitão – Presidente Executivo da Rede Doctum

Como ele frisa, o compromisso social norteia a política e os processos de ensino da instituição, e visa democratizar o acesso ao ensino superior em todas as regiões onde possui unidades próprias presenciais e EaD. “A Doctum é um projeto educacional fundado pelo Rev. Uriel de Almeida Leitão, meu avô. Filho de pais analfabetos, ele tinha o sonho de estudar e, posteriormente, fundar uma instituição de ensino na qual pudesse dar oportunidade às pessoas que não tinham acesso à Educação. Foi assim que nasceu o Colégio Caratinga, precursor da Doctum. Com esse objetivo continuamos a lutar pela inclusão de quem não têm condições de pagar por seus estudos”.

As bolsas são pessoais e intransferíveis e terão validade para todo o curso, incluindo matrículas e rematrículas. Lívia Fernandes, coordenadora do curso de Serviço Social da Doctum, fala da importância de usar o CadÚnico como pré-requisito. “Isso garante que o processo seletivo atenda ao perfil socioeconômico das famílias que estão em situação de vulnerabilidade social. O CadÚnico é uma forma de ampliação do acesso para as pessoas que mais precisam”.

Após a prova, os candidatos passarão pela pré-matrícula, quando deverão entregar os documentos exigidos, como declaração de conclusão do Ensino Médio, documento de identidade, comprovante de residência e comprovação de inscrição no CadÚnico.

Para se cadastrar no CadÚnico, o responsável pela família precisa comparecer a um Centro de Referência em Assistência Social (Cras) de sua cidade, levando CPF ou título de eleitor, apresentar um documento com foto de todas as pessoas da família e comprovante de residência.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo