fbpx
CaratingaPolítica

Cleon Coelho fala de seus projetos para a Câmara de Caratinga

Em seu quarto mandato na Câmara Municipal de Caratinga, o vereador Cleon Coelho foi eleito pela primeira vez como presidente do Legislativo Municipal para o biênio 2021-2022. Em entrevista concedida ao jornal A Semana, ele fala sobre as propostas para sua gestão, tendo como uma de suas prioridades a adequação das instalações do antigo prédio do Fórum Desembargador Faria e Souza, que passará a ser a nova sede da Câmara.

Cleon quer reuniões da Câmara mais atrativas e participativas

Ao ser questionado sobre quais ações pretende adotar para recuperar a imagem da classe política junto ao eleitorado de Caratinga, bastante desgastada em todo o País, Cleon Coelho discorda de que haja esse desgaste, mas, confirma propostas para reaproximar a Câmara Municipal da população do município. “Acredito que nas eleições de 2020 houve uma boa participação do povo, considerando que tivemos eleições em meio a uma pandemia. Eu estou no quarto mandato e não vejo desgaste junto ao povo. Quero fazer nossas reuniões mais atraentes com a presença de deputados e de representantes de vários segmentos do município para motivar a atuação política”

Cleon Coelho deu mais detalhes sobre como pretende tornar as reuniões da Câmara de Caratinga mais participativas e com melhores resultados. “Quero a presença de deputados estaduais e federais nas reuniões e farei isso como uma maneira de prestigiar os parlamentares e obter possíveis novos investimentos para o município. É uma maneira de conseguir destinar recursos para o povo e também desejo que os diferentes segmentos da sociedade, como empresários, autoridades, lideranças comunitárias e representantes de instituições, participem dos nossos trabalhos”.

Na legislatura passada, a Câmara de Caratinga praticamente não divulgou suas atividades através dos veículos de comunicação, possibilitando se criar junto à municipalidade a ideia de que os vereadores não estavam atuando. Em sua gestão, Cleon deseja levar ao conhecimento da população o trabalho desenvolvido pelo Legislativo Municipal. “Pretendo fazer valer o trabalho dos veículos de comunicação da cidade e utilizar as ferramentas das redes sociais para buscar o envolvimento da Casa com o povo”.

Outra iniciativa que poderá ser aplicada para o maior envolvimento da sociedade nas ações da Câmara Municipal será a realização de audiências públicas, tratando dos principais problemas de interesse da população. “As audiências públicas vão acontecer caso sejam necessárias e tenham a aprovação do plenário. Como presidente, tenho a responsabilidade de criar as condições para que elas aconteçam com sucesso”.

Convívio com o Executivo

O presidente da Câmara também falou de como pretende manter o relacionamento entre o Legislativo Municipal e a Prefeitura de Caratinga durante sua gestão. “Eu defendo um bom entendimento entre as partes. Quero manter o respeito e buscar o bom relacionamento com o Executivo. O que for relevante e favorável ao interesse de todos, vamos debater e aprovar. Precisamos viabilizar e fazer valer o funcionamento com eficiência dos trabalhos para o povo”.

Nova sede

A transferência da Câmara Municipal para o antigo prédio do Fórum Desembargador Faria e Souza, na Praça Getúlio Vargas, tem recebido total atenção de Cleon Coelho, que já vem adotando as medidas necessárias para a realização das obras de adaptação do prédio às necessidades para o funcionamento da Casa Legislativa.

Ele explica como está sendo desenvolvido o processo. “Acabei de receber o projeto arquitetônico para o funcionamento da Câmara no antigo prédio do Fórum. O projeto foi apresentado por uma profissional de arquitetura ao setor jurídico e contábil da Casa. Acompanhei de perto a exposição para a montagem da nova estrutura da Casa. Observamos que está tudo certo. Agora, estaremos preparando o processo de licitação que, uma vez concluído, permitirá a contratação da empresa responsável pela execução das obras”.

Cleon não estipulou uma data para a inauguração da nova sede da Câmara. “Essa é uma questão muito difícil de responder. Afinal, ainda não realizamos o processo licitatório e não sabemos qual será o prazo necessário para que empresa vencedora do processo irá precisar para a conclusão das obras. Mas, a população pode ter certeza de que isso acontecerá no tempo mais curto possível”.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo